Arduíno no ensino de física - João Cláudio Nunes Cavalho - Ifce

Arduíno no ensino de física
Prof. João Cláudio Nunes Carvalho

A relevância do laboratório de ciência é inquestionável pelos professores, pois a prática experimental consolida a aula teórica, extrapolando a abstração dos conceitos e relações estabelecidas durante a exposição teórica de um conteúdo. Em virtude desta importância, as discussões sobre o tema têm conduzido algumas pesquisas sobre o laboratório didático de Ciências, surgindo classificações quanto ao método empregado. Filho (2000), apresenta algumas concepções relativas à organização das práticas experimentais nos laboratórios de ciência.

Como uma alternativa de baixo custo para experimentos de física, temos o uso do Arduíno:

Arduino, por vezes traduzida ao português como Arduíno,[2] é uma plataforma dehardware livre, projetada com um microcontroladorAtmel AVR de placa única, com suporte de entrada/saída embutido e uma linguagem de programação padrão,[3] na qual tem origem em Wiring, e é essencialmente C/C++.[4] O objetivo d…

Física do corpo humano - João Cláudio Nunes Carvalho

Física do corpo humano 
Prof. João Cláudio Nunes Carvalho

Alguns links de artigos e/ou materiais interessantes acerca da relação entre o corpo humano e a física:

1) http://unifafibe.com.br/revistasonline/arquivos/revistafafibeonline/sumario/16/30032011212500.pdf

Aqui apresenta-se uma análise simples de algumas situações em que o corpo humano está interligado a física para o seu funcionamento. Neste procurou-se mostrar a necessidade de energia gasta pelo organismo humano em um dia para atividades simples, para isso usamos as definições de energia e potência, assim observou-se que produz e consume-se, em atividade normal, aproximadamente 120 w de potência, o equivalente ao consumo de eletricidade de uma lâmpada de uso caseiro.


2) https://www.youtube.com/watch?v=bZo5bPEqfqw
Interessante vídeo acerca da relação entre corpo humano e física

3) http://cursos.unipampa.edu.br/cursos/cienciasexatas/files/2014/06/TCC_GRACIELA.pdf
É significativa a discussão, no contexto do ensino de Ciências, em torno da necessidade de contextualização dos conceitos científicos abordados em sala de aula, pois um dos desafios da atualidade é a melhoria do sistema educacional brasileiro. Neste âmbito, a abordagem de temas vem se configurando uma alternativa curricular e/ou metodológica para a articulação entre a conceituação científica e aspectos advindos da realidade do aluno. Considerando isso, pretendeu-se identificar as relações que alunos do ensino médio estabelecem entre a conceituação física, em especial o conceito de pressão, e o funcionamento do corpo humano; e pretende-se, investigar e discutir as potencialidades e os limites da abordagem de temas contextuais relacionados ao corpo humano no ensino de Física. Metodologicamente, a pesquisa possui natureza qualitativa, sendo que foram usados como instrumentos de pesquisa um questionário, relato de atividade experimental e questões sistematizadoras. A análise dos dados obtidos está balizada em estudos que discorrem acerca da abordagem de temas no ensino de Ciências. Destaca-se, entre os resultados, que embora os alunos anteriormente tivessem dificuldades de estabelecer relações entre a conceituação física e o funcionamento do corpo humano, demonstraram significativa melhora na atividade experimental. Eles também consideram a temática importante e facilitadora para a compreensão dos conceitos de Física.

4) https://www.zemoleza.com.br/trabalho-academico/biologicas/educacao-fisica/a-fisica-do-dia-a-dia-pressoes-no-corpo-humano/

Pressões no Corpo Humano


Neste trabalho é relatada a investigação conduzida durante a elaboração de um material didático, dirigido a professores do ensino médio, contendo textos e atividades baseados no estudo das atividades fisiológicas do corpo humano e as suas relações com os fenômenos físicos. A sondagem foi feita por meio de um questionário, aplicado a professores de física do ensino médio, abordando questões sobre formação acadêmica, exploração da interface entre física e o corpo humano nas aulas, e avaliação das informações encontradas. Os dados obtidos indicam que a grande maioria dos professores entrevistados aborda temas relacionando física e o corpo humano em suas aulas. Evidencia-se na resposta de alguns professores a dificuldade em encontrar informações sobre o assunto e em articular esses conhecimentos, reforçando a importância de um material didático que apresente uma metodologia que contextualize os conteúdos da Física através do corpo humano, e que auxilie o professor no planejamento das aulas.

Na hora de separar os times, o nerd louco por física é sempre o último a ser escolhido. Mas deveria ser o primeiro, afinal futebol e física tem tudo a ver. Seja em um jogo no Maracanã ou descalço na rua, as Leis da Física estão presentes em cada partida e em cada movimento. Esporte não é apenas correr, pedalar, nadar, escalar ou jogar. Esporte também é química, física, biologia, matemática, sociologia. Esporte é ciência. Assim nasceu o Ciência em Jogo, nosso blog sobre ciência aplicada em esportes. Aqui iremos escrever sobre diversas modalidades esportivas e a ciência por trás de cada gota de suor. Nosso texto de estreia é sobre futebol e física. Para quem não curte futebol, aqui está a oportunidade de enxergar o esporte por outra visão: a científica. É agora que a ciência entra em jogo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Arduíno no ensino de física - João Cláudio Nunes Cavalho - Ifce

DICAS PARA ENEM - João Cláudio Nunes Carvalho

DICAS PARA ENEM - Parte 3